Polícia prende acusada de matar mulher em hospital de Tijucas

  • Redação Clubei

Polícia prende acusada de matar mulher em hospital de Tijucas

Uma mulher, identificada como, Regiane Aparecida Rosa, a qual é acusada de matar a facadas uma mulher no Hospital de Tijucas e tentar matar o ex-marido, foi presa na tarde desta quarta-feira, dia 01, no bairro Kobrasol, em São José, na Grande Florianópolis.

Relembre os fatos:

Segundo informações, Regiane Aparecida Rosa, Na madrugada de domingo, 28, ela invadiu o hospital e esfaqueou no pescoço a amiga do ex-companheiro, uma mulher de 31 anos, identificada como Ana Cleia Silverio, a qual foi morta a facadas, os fatos ocorreram no Hospital São José, em Tijucas, enquanto ela aguardava na recepção o amigo ser atendido. A indícios de que o crime possa ter sido motivado por ciúmes.

O amigo da vítima, Evaldo Benjamim Cipriano Neto, relatou a Polícia Militar que havia se separado há dois meses da sua ex-companheira, Regiane Aparecida Rosa, e que desde então, tem sido constantemente perseguido por ela e que inclusive, dias atrás, Regiane já havia desferido um golpe de faca em sua barriga.

Já na noite passada, em uma casa de shows em Porto Belo, Regiane o teria agredido por trás com uma garrafa de vidro quebrada, o deixando com ferimentos superficiais nas costas e nos braços. Ainda de acordo com Evaldo, insistindo nas agressões, Regiane o aguardou na saída do evento e ao ver o ex-companheiro na calçada, jogou o carro contra ele. Ferido, foi conduzido ao hospital acompanhado dos parentes e da vítima.

Ana chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.  A autora, ainda com a faca na mão, mandou que abrissem a porta da recepção para ir atrás de Evaldo, porém a porta estava trancada. Regiane fugiu em um Fiat/Pálio.

Foto: Divulgação

Deixe seu Comentário

Sua opnião é importantíssima para continuarmos a melhorar nosso trabalho.