Comitê de Gerenciamento de Crise é criado em São João Batista

  • Redação Clubei

Comitê de Gerenciamento de Crise é criado em São João Batista

Por conta do agravamento dos reflexos da paralisação dos caminhoneiros, um Comitê de Gerenciamento de Crise foi criado em São João Batista, durante reunião realizada na tarde desta segunda (28). O órgão, que conta com representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, assim como de entidades empresariais e de trabalhadores, atuará no acompanhamento e enfrentamento da crise.
“Todos são favoráveis à causa defendida pelos caminhoneiros, mas alguém tem de administrar os problemas que a paralisação tem gerado no município”, salienta o prefeito Daniel Netto Cândido.
O prefeito destacou que estão trabalhando muito para deixar na normalidade todos os serviços essenciais. “Com o combustível que recebemos no sábado, conseguiremos atender os serviços essenciais até sexta-feira”.
Na reunião, ficou definido que não haverá aula nesta sexta-feira, pois, por parte do Comércio e da Indústria, os representantes informaram que funcionarão até quarta. “Iremos ver como fica para funcionar na sexta”, acrescentou o presidente da CDL, Anderson Marchi. Na prefeitura e demais órgãos da administração direta e indireta o expediente segue normal, sem ponto facultativo na sexta. Ainda ficou acordado que novas reuniões do Comitê poderão ser chamadas enquanto a crise persistir.
Além do prefeito Daniel, participaram do encontro a presidente da Câmara de Vereadores, Rúbia Alice Tamanini Duarte, os delegados Vinicius Benedet Brandão e Marcelo Agulha (Polícia Civil), os comandantes Charles Bernardo Nunes (Polícia Militar) e Eugênio Roberto Venzon (Corpo de Bombeiros), a juíza Maria Augusta Tridapalli, o promotor Nilton Exterkoetter, o presidente do Sincasjb, Almir dos Santos, o presidente do Sindicato dos Empregados nas Indústrias de Calçados, Everton Quirino, o presidente da CDL, Anderson Marchi, o diretor-executivo da CDL, Willian Souza dos Santos e o advogado da CDL, Marcio Meyer.
E, ainda, os secretários municipais Roseli Peixer Tomasini (Educação), Ademir José Rover (Saúde), Plácido Vargas (Desenvolvimento Econômico) e Rosane Sartori Rosa (Administração/Chefia de Gabinete), o procurador Jeyson Puel, a assessora jurídica Neiva Cordeiro e o diretor da Defesa Civil, Jofre Melzi.

Deixe seu Comentário

Sua opnião é importantíssima para continuarmos a melhorar nosso trabalho.