Prime Filmes apresenta documentários “Vozes do Meu Vale” e “Ayres Gevaerd” no Cine Gracher Havan

  • Redação Clubei

Prime Filmes apresenta documentários “Vozes do Meu Vale” e “Ayres Gevaerd” no Cine Gracher Havan

 

“Vozes do Meu Vale” e “Ayres Gevaerd” contribuem para manter viva a história da região

O Cine Gracher – HAVAN, em Brusque, no dia 19, será palco da apresentação de dois documentários inéditos realizados pela Prime Filmes. Um deles é o “Vozes do Meu Vale”, produzido com recursos da Lei Rouanet, e o outro é “Ayres Gevaerd”, resultado de recursos da Lei Municipal de Incentivo a Cultura. O diretor comercial da Prime, Darlan Serafini, diz que esse é um momento histórico, visto que a comunidade terá acesso a dois momentos distintos da colonização de Brusque.

“Vozes do Meu Vale”

O documentário, com 26 minutos de duração, tem por objetivo divulgar os vários idiomas e dialetos trazidos pelos colonizadores do Vale do Itajaí em Santa Catarina, no século XIX. Muitos desses dialetos ainda estão presentes na cultura do Sul do Brasil. Dois mil DVD´s serão distribuídos gratuitamente em escolas públicas e outros locais. “A partir deste documentário, os alunos, professores e cidadãos em geral terão acesso a esta importante parte da história falada em muitas línguas até chegar aos dias de hoje”, afirma Serafini.

De acordo com Serafini, este material servirá para que as futuras gerações conheçam um pouco do passado da região, visto que, a cada duas semanas, morre uma língua no mundo. “Sem o documentário, é possível que daqui a algum tempo as pessoas não conhecessem mais esses dialetos”, enfatiza.  O diretor ainda lembra que, até o início do próximo século, quase metade das cerca de 7 mil línguas faladas na Terra terão se extinguindo, com suas comunidades de falantes abandonando os idiomas nativos em favor do inglês, do mandarim e do espanhol.

Uma equipe de profissionais formada por historiadores, produtores, roteiristas, cinegrafistas, editores e colaboradores, sintetizaram em uma única obra, os principais idiomas e diferentes dialetos falados na região do Vale do Itajaí, em Santa Catarina. “Vozes do Meu Vale” reúne entrevistados que falam português, guarani, italiano, pomerano, badense, tirolês, bergamasco e platt. As filmagens foram realizadas em Biguaçu, Botuverá, Brusque, Camboriú, Florianópolis, Guabiruba, Indaial, Pomerode e Rio dos Cedros. Os depoimentos foram gravados na língua de origem dos entrevistados.

As empresas patrocinadoras do documentário “Vozes do Vale”, por meio da Lei Rouanet, são as seguintes: HAVAN, Guabifios, ZEN S.A, Tinturaria Florisa, Aradefe Malhas e  Rosa Maria Fitness.

Mais informações:www.vozesdomeuvale.com.br

“Ayres Gevaerd”

O documentário, com roteiro de Saulo Adami e direção de Darlan Serafini, reconstitui a trajetória do maior historiador de Brusque. Nascido em 1912, Ayres Gevaerd promoveu, a partir de meados da década de 1940, iniciativas que levaram à criação da Sociedade Amigos de Brusque, à construção do Museu e Arquivo do Vale do Itajaí-Mirim (Casa de Brusque) e a revista “Notícias de Vicente Só”.  Para sua produção, foram entrevistados os professores João José Leal e Reinaldo dos Santos Cordeiro e a escritora Naomi Gevaerd, filha do homenageado.

O documentário foi produzido com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

SERVIÇO:

O que: apresentação dos documentários “Vozes do Meu Vale” e “Ayres Gevaerd”

Quando: dia 19 de dezembro, a partir das 18h10min

Onde: Cine Gracher – HAVAN

Quanto: Gratuito. Mas, quem quiser pode colaborar com um quilo de alimento não perecível

Deixe seu Comentário

Sua opnião é importantíssima para continuarmos a melhorar nosso trabalho.