Nova Trento é destaque no país na reciclagem do lixo

  • Redação Clubei

Nova Trento é destaque no país na reciclagem do lixo

O município de Nova TrentoNova Trento foi apontado no último mês como um exemplo nacional na administração de resíduos, o município ganhou destaque após ser citado como uma das cidades mais desenvolvidas do Brasil, em um dos quesitos mais preocupantes da maioria dos municípios brasileiros, a geração de lixo urbano e sua boa gestão.

O município de Nova Trento figura em 6º lugar no Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana (ISLU), resultado de uma parceria entre o SELUR (Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana), a ABLP (Associação Brasileira de Resíduos Sólidos e Limpeza Pública) e a consultoria PWC (Price water house Coopers).

O índice foi apurado com base em informações de mais de 1.700 municípios com menos de 250 mil habitantes, e é o primeiro a medir o grau de adesão das cidades à Política Nacional de Resíduos Sólidos, que prevê universalizar a coleta seletiva com o processamento de material reciclável e enviar apenas rejeitos, sem reaproveitamento possível, a aterros sanitários até 2031.

A ideia, em outras palavras, foi criar uma maneira de medir a eficiência dos municípios brasileiros na gestão do lixo, verificando quais deles buscam reduzir o volume de resíduos que geram e extinguir lixões, além de coletar, destinar e reaproveitar aquilo que é descartado pela população.

O Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana calcula a relação entre grau de desenvolvimento, capacidade financeira de gerir resíduos, reciclagem e impacto ambiental resultante da gestão do lixo nos municípios. Nenhum levou a nota máxima, equivalente a 1.

Em vigor desde 2010, a legislação ainda engatinha: apenas 16% dos municípios analisados se encaixam no que se estabeleceu como um cumprimento alto ou muito alto de suas diretrizes. Hoje há cerca de 2.500 lixões espalhados pelo país e esse passivo ambiental não foi o único elemento para a construção do índice. Para compor uma escala de zero a um, foram considerados quesitos como a capacidade financeira das prefeituras de prover serviços de limpeza e o índice de desenvolvimento humano das cidades.

Deixe seu Comentátio

Sua opnião é importantíssima para continuarmos a melhorar nosso trabalho.